CONVERSE COM ESTRANHOS

Atualizado: Set 29

Cresci ouvindo meus pais falarem que não eu deveria falar com estranhos, e sem saber os “porque's” disso tudo, obedeci. Eles me diziam que era perigoso demais e depois de muitos anos descobri que de certa forma eles tinham razão.




Cresci ouvindo meus pais falarem que não eu deveria falar com estranhos, e sem saber os “porque's” disso tudo, obedeci. Eles me diziam que era perigoso demais e depois de muitos anos descobri que de certa forma eles tinham razão.


Insatisfeito com a vida que eu vinha levando e saturado das conversas vazias com os meus amigos e conhecidos, decidi largar tudo e sair pro mundo afim de ouvir o que os estranhos tinha pra me falar sobre a vida. Falei com as mais diversas pessoas nos mais diferentes lugares. Dormi em albergue, acampei em parques e pedi comida. Não por precisar, afinal na minha casa sempre tive tudo do bom e do melhor. Mas para ao menos ter a noção do que era viver do outro lado da sociedade.


Senti medo, solidão e muitas vezes pensei em voltar correndo para a sala de casa para assistir algumas horinhas a mais de televisão. Mas era tarde demais. Já tinha aberto os olhos, fecha- los não era mais uma opção. De fato, meus pais tinham razão: os estranhos eram mesmo perigosos. Carregavam em sua simplicidade histórias que abalariam as estruturas do que a classe média chama de segurança. Ouvi histórias lindas, conheci pessoas fantásticas e por trás dos rótulos de mendigo, viciado e ladrão, enxerguei nos olhos de cada um Seres Humanos como eu. Irmãos.


Na simplicidade descobri que conforto é bom, mas que demais acomoda. Descobri que prefiro pão de queijo do que pão sem nada, mas que não preciso do pão mais caro do mundo para me alimentar. Descobri que sucesso não é status, e sim a cabeça tranquila na hora de deitar no travesseiro. E que aprendizado que não se compartilha, mofa. Por essas e outras eu lhe digo: Se tiver oportunidade, converse com estranhos.


0 visualização

LOCAL

Rua Sapé, 115.

Porto Alegre, RS

Email: contatomundoincrivel@gmail.com

Tel: (51) 99945-0121

Horário:

Seg - Sex: 7:00 - 21:00 

​​Sábado: 8:00 - 12:00 ​

Domingo: Fechado

CONTATO

  • Facebook ícone social
  • YouTube
  • Instagram ícone social

© 2020 por Antônio Pereira. Orgulhosamente criado com Wix.com